Duas almas que se encontram na imensidão deste mundo.
Formam um todo, um só coração, um ninho, um abrigo.
Formam um outro mundo à beira do caminho.

Apenas se aproximam os corpos  mas,
as almas se entrelaçam.
Mãos dadas, tudo é felicidade, até que...

Nasce uma flor !
Mais uma alma desabrocha no canteiro do amor.
Tudo é futuro, tudo é puro!

Alheios a todos, alheios a tudo, os dois caminham.
O passo é curto não têm pressa 
O caminho é longo, mas que lhes importa
Se o tempo lhes pertence !

Estão juntos, caminham, tropeçam, levantam,
lutam, constroem, peito erguido... o tempo passa...

Cansados, param...descansam...envelhecem...vergam...
O tempo passa mais e mais...

Até que... uma flor trilha sozinha a estrada do tempo,
a procura de uma  alma gêmea.

Ermindo Gomes Rocio



ERMINDO GOMES ROCIO - VOLTAR

Criação de Páginas